O diretor-geral da OMS (Organização Mundial da Saúde), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse, nesta terça-feira (07), que a entidade espera que o presidente brasileiro Jair Bolsonaro “esteja bem e se recupere rapidamente” da Covid-19.

“Esperamos que sua excelência, o presidente, esteja bem e se recupere rapidamente. Espero que os sintomas sejam leves e que sua excelência esteja de volta à ativa o quanto antes para apoiar seu país”, declarou o diretor-geral da entidade.

Em entrevista coletiva, Adhanom reforçou que nenhum país está imune e “nenhum indivíduo está a salvo”.

O diretor de Emergências da OMS, Michael Ryan, também comentou o resultado do teste de Bolsonaro e reforçou que “ninguém está protegido deste vírus”. Segundo o especialista, “isso mostra que todos somos vulneráveis”.

Fonte: O SUL

Deixe seu Comentário