A violência psicológica é um dos primeiros sinais de que o abuso pode acabar em feminicídio. Muitas mulheres estão sendo assassinadas sem nem mesmo ter denunciado ameaçadas. A Câmara aprovou uma proposta (PL 741/21) que torna crime a violência psicológica e que também amplia os meios de denúncia, com a campanha do X na palma da mão.

Entrevistas nesta edição: Renata Gil Videira, presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Amanda Pimentel, pesquisadora do Forum Brasileiro de Segurança Pública; Tonio Caetano, escritor; e as deputadas Soraya Santos (PL-RJ) e Celina Leão (PP-DF).

Produção: Cristiane Baker

Reportagem: Antônio Vital, Andre Amaro e Vera Morgado

Trabalhos Técnicos: Milton Santos

Apresentação e Edição: Vera Morgado

Deixe seu Comentário