Uma mescla de tendências ecléticas num mix de refinamento sóbrio e exotismo luxuriante. O impressionismo musical de Maurice Ravel numa valsa satírica, num memorial do pós-guerra e num famoso bolero.

Philharmonia Slavonica regida por Henry Adolph – La Valse (Ravel)

Philharmonia Slavonica regida por Henry Adolph – Le Tombeau de Couperin (Ravel)

Radio Symphony Orchestra Ljubljana regida por Samo Hubad – Boléro (Ravel)

Direção e apresentação – Ana Lucia Andrade

Deixe seu Comentário