Nesta edição do programa, a coreógrafa e dançarina Maura Baiocchi comenta o seu espetáculo Artaud, le Mômo, fruto de uma longa pesquisa sobre o poeta e ator francês. Concebido para comemorar os 25 anos da sua companhia, a Taanteatro, essa montagem cênico-coreográfica vem sendo apresentada até hoje. Ao som da sua trilha sonora original, composta por Gustavo Lemos, Maura fala também da sua formação na dança japonesa de vanguarda butoh com Kazuo Ohno e da sua aproximação com poetas, pintores e filósofos como Nietzsche, Beckett, Florbela Espanca, Frida Kahlo, para construir a poética dos seus espetáculos.


Produção, Reportagem e Apresentação André Amaro

Deixe seu Comentário