Além da responsabilização pelos crimes cometidos, a Lei Maria da Penha prevê o acompanhamento psicossocial do agressor entre as medidas protetivas que o juiz pode definir para interromper a violência doméstica. Os homens que participam desses grupos tendem a não voltar a agredir mulheres.

Entrevistas nesta edição: Thimotie Aragon Heemann, promotor de Justiça; Fernando Aguiar, psicólogo e membro do Grupo Homens em Conexão; Conceição de Maria, superintendente e cofundadora do Instituto Maria da Penha; Carla Guerson, escritora.

 

Produção: Cristiane Baker e Lucélia Cristina

Trabalhos Técnicos: Nilton Gomes

Reportagem: Verônica Lima e Maria Amélia Elói

Edição: Vera Morgado

Deixe seu Comentário